Sábado, 6 de Agosto de 2005
A caminho do Sul
Naquela noite de 1986, resolvi relembrar os tempos do ferry boat.
Lá atravessei o Tejo, sentado na capota do Ford Escort, gozando a fresca.
Era uma noite destas, de calor intenso. Prenunciava o verão alucinante que se seguiria.
Recordo-me de, já em casa, ter fumado o abaladiço ali no poial da esquina. Ia a noite já alta e de botas caneleiras.
Nessa noite, não disse a ninguém que a primeira vez que atravessei o Tejo, frente a Lisboa, sem ser de barco, não foi no dia 6 de Agosto de 1966. Não. Foi uns tempos antes.


foto de Celestino Teixeira in "A ponte Salazar", GPST, Lx, Julho de 1966


por MCV às 22:11
endereço

ANO XIV


EDITORIAL
. Posts recentes

Perguntas que não pode...

Perguntas que não podem f...

J.R.

E.N. 236-1, km 0

Picos de irracionalida...

Picos de irracionalidade

E.N. 236-1

Beja, 2011

Azenhas do Mar, 2008

Espanha, 2010

. Arquivos
. Links