Sábado, 6 de Agosto de 2005
Coisas
Eu tenho uma relação bizarra com o dia 6 de Agosto.
Talvez certos pormenores só fiquem acessíveis no dia em que eu morrer.
O dia 6 de Agosto sendo um dia farto em efemérides, das quais se destaca a de 1945, não é de facto um dia que me diga muito.
Mas guardo um trauma de infância.
Sim, ainda não me esqueci. Faz hoje 39 anos estava danado. Muito danado.
Talvez por isso lhe dou importância a mais. Por isso ou por algo de que não faço ainda a menor ideia.


por MCV às 12:17
endereço

ANO XV


EDITORIAL
. Posts recentes

Nonagésimo

Baleal, 2018

Cavalaria Mecanizada

De costas para o Carna...

Centenário

Portugal, 2018

Ivone

Lisboa, 2009

Praia do Magoito, 2018...

Lisboa, 2014

. Arquivos
. Links