Terça-feira, 14 de Junho de 2005
O mundo visto por elas
Ele: Vamos, independentemente do resto, mostrar que a > b.
Ela: Mas c também é maior do que d.
Ele: Isso agora é irrelevante. Concentremo-nos em mostrar que a > b. Adiante se verá o que se segue.
Ela: Irrelevante? Por que é que dizes que é irrelevante?

Explicações adicionais já foram há muito dadas aqui.


por MCV às 02:56
endereço

6 comentários:
De Anónimo a 16 de Junho de 2005 às 11:53
Sim. Absolutamente de acordo. Acrescentaria mais, quando não julgam necessários certos passos.
Se bem que o aspecto que eu pretendia mostrar é a muito evidente, mas não absoluta, incapacidade feminina para separar, item a item, uma construção lógica. Talvez o tenha feito de forma incorrecta. O caso é que a tua explicação é válida. Chapeau.
BeijoManuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 16 de Junho de 2005 às 04:46
Por vezes, determinadas etapas são passadas à frente, por certas 'elas', quando existem outras com primazia sobre estas primeiras. Ou porque lhes são, digamos, mais atractivas ou porque lhes oferecem um mais elevado grau de indagação ou (sei lá bem, eu) porque o Joker lhes revelou um maior potencial ali ao virar da esquina. Beijo :-)riacho
(http://alfa-e-omega.blogspot.com)
(mailto:riacho@gmail.com)


De Anónimo a 14 de Junho de 2005 às 16:43
;) Ah, Meg, permita-me que, sem lisonja, discorde da sua introdução. :) Fico contente que goste de aqui passar. Agradeço e retribuo o cumprimento. Um beijo para si também
Manuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 14 de Junho de 2005 às 15:31
Olá,
Nem sempre sei o que sei dizer, não sou inteligente nem espirituosa o bastante.(sem falsa modéstia)
Porém, isso não impede que um sorriso interior se desenhe em minha mente. Às vezes de re-conhecimento de como eu sou;-)
Gosto muito, mas muito mesmo do seu blogue.
Obrigada por escrevê-lo.
Um beijinho
MegMeg (subrosa)
(http://flabbergasted.blogspot.com)
(mailto:subrosa@meguimaraes.com)


De Anónimo a 14 de Junho de 2005 às 12:53
Esta coisa dos blogues tem esta limitação aparente de não se falar duas vezes da mesma coisa. A verdade é que não faltam alturas em que nos apetece voltar ao já dito. Daí as referências em flash-back. Um abraço
Manuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 14 de Junho de 2005 às 05:59
Esta postagem me propiciou uma visita ao antigo blogue.Manoel Carlos
(http://www.agrestino.blogger.com.br)
(mailto:agrestino@globo.com)


Comentar post

ANO XIV


EDITORIAL
. Posts recentes

Perguntas que não pode...

Perguntas que não podem f...

J.R.

E.N. 236-1, km 0

Picos de irracionalida...

Picos de irracionalidade

E.N. 236-1

Beja, 2011

Azenhas do Mar, 2008

Espanha, 2010

. Arquivos
. Links