Quarta-feira, 20 de Abril de 2005
Mania de ser elefante
Mais tarde ou mais cedo, havia de acontecer.
Não me faltavam, nem a nenhum de nós, suponho, lições sobre como e porquê reescrever a história.
Talvez o porquê seja inatingível, na medida em que não acredito que a história se decida por vontades e com explicações claras e objectivas. Mas isso é, com perdão do conceito redundante, outra história.
Esta mania de recordar factos passados só se torna perigosa quando eles se avivam na mente de quem escuta. Quando o interlocutor percebe que não há ali invenção ou fantasia. Foi assim mesmo. Também se recorda afinal.
Eventualmente recorda-se de um ou outro esqueleto que guardou no armário desde essa época.
Pois é. Por alguma razão, existe esta figura do direito ao esquecimento.
Esta mania de ser elefante trouxe-me um dissabor. Cuja causa não entendi nem quero entender. É o meu direito à ignorância.
Mas é, por outro lado, a confirmação do que há muito sabia. Para alguns, o esquecimento é fundamental. Afinal, assim são as coisas na nossa cabeça. Não sabermos já o que almoçámos anteontem.


por MCV às 15:18
endereço

4 comentários:
De Anónimo a 21 de Abril de 2005 às 22:56
O pior é quando a gente se lembra ponto. Do mau e do bom. Às vezes lembramo-nos de coisas que não interessam aos outros, sem que saibamos a razão. Um abraço
Manuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 21 de Abril de 2005 às 22:34
O que é melhor, esquecer-se de vez de coisas desagradáveis ou não lembrar-se das coisas boas? Todas as moedas do dia-a-dia têm duas faces.Marcos
(http://www.esculachoesimpatia.zip.net)
(mailto:marcosrodolfo1@uol.com.br)


De Anónimo a 21 de Abril de 2005 às 20:38
A promessa estava revogada por mim. :) Ferveu, ferveu. Bem mais do que eu pensava. Beijos elefantinos
Manuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 21 de Abril de 2005 às 19:40
De repressões a regressões... um caldeirão a ferver, é o que é. Epa... eu prometi que não comentaria mais posts destes, não foi?... :-) remeti a lembrança para o inconsciente, pronto! Um beijo, Sr. Mastod...anuel (perdão).riacho
(http://alfa-e-omega.blogspot.com)
(mailto:riacho@gmail.com)


Comentar post

ANO XIV


EDITORIAL
. Posts recentes

Perguntas que não pode...

Perguntas que não podem f...

J.R.

E.N. 236-1, km 0

Picos de irracionalida...

Picos de irracionalidade

E.N. 236-1

Beja, 2011

Azenhas do Mar, 2008

Espanha, 2010

. Arquivos
. Links