Quinta-feira, 31 de Março de 2005
Um sonho que se realiza
E me faz encolher os ombros.

Houve uma época, da qual já dei aqui nota, em que não falhava uma noitada, uma tardinha ou uma matina em Sintra.
Em que fui a Montejunto e a Arganil.
Em que bati o poeiredo ou o lamaçal dos ralis do Algarve.
Pelava-me por ver, de sítio altaneiro, os bólides. Também gostava do resto, da festa que se fazia, da parte feminina da assistência, etc.
Acho que me deixei disso em 86. Com a morte simbólica do rali de Portugal, com a morte das pessoas que ficaram debaixo do RS200 do Joaquim Santos.
Agora que a organização parece apostada em retirar o rali da sombra, escolhe as estradas da minha serra para o fazer. A serra é minha porque eu sou daquelas paragens, falo com aquele sotaque, bebo aquele medronho, tenho a mesma cara dos que lá moram.
Sonhei com este dia, muitos anos atrás. Poder ver as máquinas entre as azinheiras e os sobreiros, com o cheiro da terra que bem conheço misturado com os odores da máquina.
Contudo, hoje não me suscita mais do que o gesto dito acima.
Há coisas que mudam.
A última noite que passei na minha serra não me traz boas memórias.


imagem em http://www.rallydeportugal.pt/evento_etapas_2.html


por MCV às 22:13
endereço

7 comentários:
De Anónimo a 1 de Abril de 2005 às 07:07
Ê cá nã sê, nã sinhori! Tô cuma sonêra que já nã vêjo mai nada. Bô nôte! (ou dia!) :-) Beijinho.riacho
(http://alfa-e-omega.blogspot.com)
(mailto:riacho@gmail.com)


De Anónimo a 1 de Abril de 2005 às 06:39
Ah, ah, ah... Então mas isso não são os vinhos? Será caso que é o mesmo com a genti? :)Manuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 1 de Abril de 2005 às 06:33
São substituidos por outros sonhos. É o mais certo. Agora a 'sério', nunca pensei que alentejanos envelhecessem. :-priacho
(http://alfa-e-omega.blogspot.com)
(mailto:riacho@gmail.com)


De Anónimo a 1 de Abril de 2005 às 05:58
Acho que não. Sonhos de outras idades, mais isso. Vê tu que um destes anos, uma daquelas Bajas todo-o-terreno passou-me à porta de casa e nem sequer me saltou o pé para me instalar de palanque a ver a romaria... A velhice, minha cara, a velhice...Manuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 1 de Abril de 2005 às 05:44
Antecipação demasiado elevada? :-) riacho
(http://alfa-e-omega.blogspot.com)
(mailto:riacho@gmail.com)


De Anónimo a 1 de Abril de 2005 às 00:25
Somos então moços da mesma idade.:) Um abraço
Manuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 1 de Abril de 2005 às 00:16
tal como tu fiz muitos ralis de portugal correndo por esses troços do centro e norte de Portugal, bemo como de muitos outros ralis. e, tal como tu, parei nessa mesma altura. tal como tu, de novo, pouco me diz este novo rali de Portugal. abraço.ognid
(http://catedral.weblog.com.pt)
(mailto:ognid@sapo.pt)


Comentar post

ANO XIV


EDITORIAL
. Posts recentes

Vila Nova, 201...

Cascais, 2017

Portugal, toponímia, 2...

Portugal, 2007

Ramal de Cáceres, 2011...

...

E.E.N.N. 263/389, 2007...

Belver, 2014

Lisboa, 2008

Aveiro, 2013

. Arquivos
. Links