Sábado, 18 de Setembro de 2004
Estatísticas
Não sei quantos minutos por cada cigarro.
Não sei quantos minutos por cada copo a mais.
Não sei quantos minutos por cada noite sem dormir.
Não sei quantos minutos por cada avaria.
Depois, abalas assim. Logo tu, que sempre fugiste das avarias.
Estatísticas.
Um modo de perceber o funcionamento dos grandes números quando não se percebe nada dos pequenos.
R.I.P.


por MCV às 20:39
endereço

2 comentários:
De Anónimo a 19 de Setembro de 2004 às 23:00
É apenas um epitáfio.
Um abraçoManuel
</a>
(mailto:gasolim@hotmail.com)


De Anónimo a 18 de Setembro de 2004 às 20:47
Não percebi o post... mas fiquei curioso...
João da Cal
(http://www.syncope.blogspot.com)
(mailto:teoriazero@hotmail.com)


Comentar post

ANO XIV


EDITORIAL
. Posts recentes

Olho de Boi, 2...

Lisboa, 2012

Mourão, 2013

A cadela que pariu qua...

Lisboa, 2010

Sines, 2011

Estação C.F. de Queluz...

Lisboa, 2008

Sem (saber) le...

Porto Brandão, 2009

. Arquivos
. Links