Sexta-feira, 30 de Abril de 2004
Que Império é este?


E que hora tem?
A esta hora, o Novo Império Europeu já tem as fronteiras quase napoleónicas.
Por aqui, ainda não é meia-noite.
Mas o facto está consumado.
Esta coisa de impérios, a julgar pela História, é cíclica.
Mas um dia a História deixa de repetir-se. É inevitável.
Nunca sabemos que lições históricas devemos considerar e que coisas novas acontecerão.
Também não sabemos se esta génese imperial é assim tão diversa das anteriores. Não há um Imperador, mas há escravos.
A difusa identidade e caracterização dos escravos ao serviço do Império.
Que domínio é este e o que pretende?
Mais um Império comigo na ponta. Aqui ou lá na ponta ocidental.
Não menosprezemos a actualidade hoje.
É um dia histórico.

imagem adaptada de


por MCV às 23:21
endereço

ANO XV


EDITORIAL
. Posts recentes

Portugal, 2008

Um caso clássi...

Memorandum

Portugal, 2006

Vila Franca de Xira, 2...

Portagem, 2011

Foz Tua, 2016

Portugal, 2017

E.N. 246-1, 2011

Apúlia, 2017

. Arquivos
. Links