Quinta-feira, 2 de Fevereiro de 2023
Satisfação



Ouvi hoje, pela primeira vez (nem todos os dias estou com atenção às notícias) uma senhora advogada dizer que não é razoável proibir alguém de contactar com outrem, desde que ambos estejam de acordo com esse contacto.
Anos e anos a ouvir que A ficou proibido de contactar com B, sendo A e B interessados nesse contacto, e só hoje ouço alguém demonstrar o ridículo da Lei.
Disse ainda a mesma senhora que os juízes estão mal preparados para lidar com as possibilidades que a técnica proporciona hoje ao comum dos mortais.
Diria eu que nada disso me espanta, dada a base de recrutamento dos magistrados. Mas isso são outros quinhentos.
Fiquei satisfeito a ouvir a senhora. Haja quem!



por MCV às 22:16
endereço | comentar

ANO XXI
. Posts recentes

Inteligência artificial

Fasquia baixa

A reforma da justiça

Esquina

Mediação

Além-mar

Benfiquismo nas mentalida...

Estação C.F. de Lisboa-Or...

Importância relativa

Portugal antigo

. Arquivos
. Links